Saiba mais sobre o botox

A toxina botulínica, popularmente conhecida como botox, é uma toxina produzida por uma bactéria chamada Clostridium botulinum. É a mesma bactéria causadora da doença botulismo, mas a toxina botulínica industrializada é purificada e usada em doses que não causam a doença, ou seja, é aplicada no músculo e provoca o relaxamento da região.

Para uso estético, é indicado para suavizar as rugas e linhas de expressão do rosto. Entre essas linhas tratadas estão às rugas da testa, a glabela (espaço entre as sobrancelhas) e, os ‘’pés de galinha’’, rugas que se formam na região dos olhos. Para sulcos ao redor dos lábios, entre eles o famoso bigode chinês – linha que se forma entre o nariz e o canto da boca – o mais recomendado é o preenchimento facial, pois é uma região de bastante movimento e não é possível atuar na musculatura sob pena de deixar o rosto paralisado.

A principal motivação para este tratamento estético é o incômodo gerado pelas rugas ao paciente. Em comparação com cremes para rugas e linhas de expressão, o botox costuma trazer resultados mais visíveis. No entanto, depende de avaliação médica individualizada.
Quando é injetada nas rugas, a toxina botulínica age como um bloqueador neuromuscular, ou seja, bloqueando a transmissão de estímulos dos neurônios para os músculos, impedindo, parcial ou totalmente, a contração muscular.